sábado, março 30, 2013

Filhos de políticos em Escola Pública

Há uma discrepância enorme entre o mundo de luxo e bonança dos políticos e a dura realidade do povo brasileiro.

A qualidade da educação dos filhos dos parlamentares em contraste com o péssimo nível da educação nacional é um grande exemplo deste abismo. Mas e se fosse possível acabar com esta situação através de uma simples lei? É o que propõe o senador Cristovam Buarque. 

Cristovam Buarque é o exemplo perfeito que desmente aquela antiga máxima da crença popular que diz: “político é tudo igual”. Os maus políticos, por sinal, adoram essa ideia e fazem questão de corroborá-la, pois os eleitores abstêm-se, dessa forma, de quaisquer responsabilidades na hora do voto, elegendo qualquer um para os cargos políticos. Afinal “são todos iguais”. Mas não, políticos não são todos iguais.

Quando o Senador lançou o Projeto de Lei nº 480 em 2007 que obriga políticos eleitos a matricular seus filhos em escolas públicas até 2014, ele já deixava isso bem claro. A ideia parecia um tanto ousada e por falta de apoio no Congresso, é lógico, a coisa esfriou. No entanto, pouco tempo atrás, o projeto — que atualmente se encontra na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania — ganhou nova visibilidade nas redes sociais da internet e em petições públicas com mais de 50 mil assinaturas.

É evidente que os parlamentares não gostaram nem um pouco disso e inventam as desculpas mais esfarrapadas para desmerecer o projeto. Eles conhecem muito bem o nível do ensino público brasileiro e devem ficar arrepiados só de imaginar seus filhos em tais escolas. Acredito que só mesmo assim para que os nobres deputados possam lutar pela qualidade do ensino brasileiro, quando sentirem na pele o que é ter um filho sofrendo por falta de estrutura, falta de professor, falta de matéria e tantos outros problemas do cotidiano escolar brasileiro. Afinal estes desgraçados só sabem legislar em causa própria. Então façamos da nossa causa a deles.

É lógico que, caso a lei seja aprovada, é preciso tomar algumas precauções para evitar a esperteza destas velhas raposas políticas. É preciso, por exemplo, colocar um limite de vagas por escola para a matrícula dos filhos dos políticos, pois senão haveria a concentração de todos eles em uma meia dúzia de colégios públicos, elevando o nível destes, enquanto todos os outros continuariam do mesmo jeito. Também é preciso deixar claro que colégios de excelência como o Pedro II e os de Aplicação das Universidades, apesar de públicos, não podem fazer parte da proposta, porque eles estão acima da média e não representam a realidade.

Com estes ajustes, eu acredito que a lei vai fazer um grande bem para o ensino público brasileiro. Como disse Cristovam Buarque, uma das grandes distorções da política é o fato dos parlamentares legislarem pelo serviço público, mas usarem os serviços privados. Isso não faz o menor sentido e precisa ser corrigido. O próximo passo é defender o mesmo para o serviço publico da Saúde, fazendo com que sejam obrigados a usá-lo, para verem o que é bom pra tosse.

Se você tem Facebook e apoia esta proposta, não deixe de participar deste movimento aqui.

0 comentários :

A Pascoa Apóstata

A Apostasia nas Igrejas Evangélicas Atinge Novas Proporções — Outro Sinal Que o Fim dos Tempos Está Próximo

Anos atrás, as Livrarias Batistas e a Junta de Escola Dominical da Convenção Batista do Sul dos Estados Unidos promoveram os "Ovos da Ressurreição" para comemorar a Páscoa! Isso mistura paganismo com a mais respeitada das celebrações cristãs, outro sinal que o fim dos tempos está sendo cumprido nas notícias do dia-a-dia.

Resumo da Notícia: "Ótimo para as Devoções Familiares: Ovos da Ressurreição. O que as folhinhas de calendário do Advento são para o Natal, esses ovos coloridos são para a Páscoa! Vem com guia de orientação para ajudá-lo a tornar cada objeto embutido em uma divertida experiência de aprendizado familiar."


Observe atentamente as abominações que essa figura contém. Celebrar a Páscoa com ovos vem diretamente do satanismo, como demonstraremos em instantes. Portanto, incentivar o uso de ovos de Páscoa para celebrar a ressurreição do Senhor é ligar o satanismo ao cristianismo, e é proibido nas Escrituras. Nessa figura, vemos que cada ovo contém um símbolo cristão em seu interior. Podemos ver mãos unidas em oração e uma cruz, como dois exemplos. O anúncio também menciona o Advento, outro festival pagão.

Em nenhum lugar na Bíblia recebemos a permissão de ligar as coisas do Senhor com as de Satanás. Vamos examinar estas proibições bíblicas:
  • 1- "Não vos ponhais em jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? E que concórdia há entre Cristo e o Belial? Ou que parte tem o fiel com o infiel? E que consenso tem o templo do Pai com os ídolos? Porque vós sois o templo do Criador vivente, como Yaohu disse: Neles habitarei, e entre eles andarei; e eu serei o seu Pai Celestial e eles serão o meu povo. Por isso, saí do meio deles, e apartai-vos, diz o Senhor; e não toqueis nada imundo, e eu vos receberei; e eu serei para vós Pai, e vós sereis para mim filhos e filhas, diz o Senhor Todo-Poderoso." [2 Coríntios 6:14-18].

Embora esse verso seja mais freqüentemente citado no contexto do matrimônio, aplica-se com igual força a esta discussão. "Que sociedade tem a justiça com a injustiça?" Isso aplica-se perfeitamente a esta situação. Como podemos ligar o dia da Ressurreição, à celebração satânica da Páscoa, simbolizada pelo ovo?

"Que comunhão tem a luz com as trevas?" Uma vez que estudarmos como a celebração da Páscoa é satânica, e como os ovos estão ligados a essa celebração pagã, compreenderemos completamente que a Convenção Batista do Sul dos EUA está ligando a preciosa luz espiritual de Cristo com as trevas pagãs, com a escuridão impenetrável do satanismo.

"Que concórdia há entre Cristo e Belial?" Outra tradução aqui diz "Maligno". O Dicionário Bíblico Holman diz que "Belial" é um termo para Satanás, o Maligno. Em minha opinião, essa associação entre o dia da ressurreição e os ovos pagãos não é nada mais nada menos que "maligna", pois associa Yaohushua com Satanás.

"Ou que união do fiel com o infiel?" Pouquíssimos cristãos seriam tolos o suficiente para aceitar um convite para uma festa de Páscoa de um grupo de adoradores pagãos; porém, muitos comprarão esses ovos e os usarão como parte das cerimônias do Dia da Ressurreição, não percebendo que acabaram de aceitar um convite para celebrar como os pagãos celebram.
  • 2- "Ninguém vos engane com palavras vãs; porque por estas coisas vem a ira de Yaohu sobre os filhos da desobediência. Portanto, não sejais seus companheiros. E não comuniqueis com as obras infrutuosas das trevas; mas antes condenai-as." [Efésios 5:6-7,11].
  • 3- "Não é boa a vossa jactância. Não sabeis que um pouco de fermento faz levedar toda a massa? Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós." [1 Coríntios 5:6-7].Nas Escrituras, o fermento simboliza o pecado ou as falsas doutrinas. O apóstolo Paulo está dizendo aqui que você não pode tolerar nem um pouquinho de falsa doutrina dentro da igreja; em vez disso, deve estar vigilante para manter a doutrina pura e lançar fora toda doutrina falsa assim que a encontrar. Em nenhuma circunstância deve tolerar a existência de falsa doutrina misturada com a verdadeira. No entanto, isso é exatamente o que a Igreja Católica Romana vem fazendo há séculos, e o que a igreja evangélica está fazendo mais e mais desde a Segunda Guerra Mundial. Imagine uma caneca de café na qual apenas uma gota de um poderoso veneno foi adicionada. Você ainda tem uma caneca de café, que parece, cheira e tem gosto de café; no entanto, você certamente morrerá se beber esse café. É exatamente desse modo que a falsa doutrina age quando é misturada com a verdadeira.
A situação que encontramos nessa promoção dos "Ovos da Ressurreição", uma mistura de falsas doutrinas pagãs com a pureza da doutrina cristã, é exatamente a mesma.

Agora, vamos examinar o quão realmente satânica e pagã é a celebração da Páscoa com ovos.

Descobrimos um site para feiticeiros chamado "The Satanic Witch", que você pode encontrar em www.geocities.com [Advertência de A Espada do Espírito: Antes de você acessar um site sobre feitiçaria, deve estar totalmente equipado com a armadura de Yaohu (Efésios 6:10-20). Caso contrário, poderá receber influências dos símbolos satânicos ali exibidos.].

Veja a descrição deles sobre a Páscoa e os ovos em suas celebrações pagãs:
  • "Ostara, também conhecido como A Primavera, ou Equinócio Vernal, o Festival das Árvores, Alban Eilir, Ostara, os Ritos da Primavera, e os Ritos de Eostre, ocorre entre 19 e 21 de março e marca o primeiro dia da verdadeira Primavera. Dia e noite são iguais nesse dia, daí o nome Equinócio. É observado pelos pagãos em todo o mundo. Para os praticantes de Wicca e os feiticeiros, Ostara é um festival da fertilidade que celebra o nascimento da Primavera e o despertar da vida na Terra... O Equinócio da Primavera foi cristianizado pela Igreja Romana como foi a maioria dos festivais pagãos da antiguidade. No primeiro domingo após a primeira lua cheia que segue o Equinócio (em inglês diz-seEostre's Day, de onde deriva o nome Easter [Páscoa], os cristãos celebram seu feriado da Páscoa. O festival cristão comemora a ressurreição de Cristo, sincronizado com a Páscoa judaica, e misturado desde os primeiros anos do cristianismo com ritos pagãos europeus para uma estação renovada. É precedido por um período de ritos desenfreados da vegetação e por um período de abstinência chamado Quaresma."
Vamos fazer uma pausa aqui por um momento. Acabamos de aprender dos pagãos que o nome Easter (Páscoa, em inglês) veio da celebração pagã dos "Ritos de Eostre". O reverendo Alexander Hislop, escrevendo em seu livro monumental, The Two Babylons [leia a resenha], afirma que o nome Easter deriva da deusa Astarte [pág. 109]. Na realidade, ambos estão provavelmente corretos, pois os pagãos têm um histórico de adorar os mesmos deuses em diferentes terras com nomes diferentes.

Em seguida, esses feiticeiros acabam de nos dizer que a celebração da Quaresma é pagã. No entanto, hoje, vemos muitas igrejas cristãs celebrando a Quaresma, outro exemplo de associar o Salvador com Satanás. 

Não se deixe enganar por esses feriados pagãos que estão sendo trazidos para dentro das igrejas cristãs. Se sua igreja celebra a Quaresma, provavelmente é bom que comece a procurar outra igreja, que seja mais fiel aos fundamentos da fé. Se sua igreja hoje celebra a Quaresma, amanhã poderá vir a negar as verdades bíblicas, até que um dia deixará de ensinar a salvação pela graça por meio da fé.

Agora, vamos retornar à discussão sobre os ovos de Páscoa. Os feiticeiros continuam: "Acredita-se também que a humanidade adquiriu a idéia de tecer cestas observando os pássaros que preparam ninhos. Talvez seja essa a origem da associação entre os ovos de Páscoa coloridos e as cestas de Páscoa. Os ovos que aparecem na foto acima são uma coleção dePysanky, os famosos ovos de Páscoa ucranianos, e são amuletos poderosos para fertilidade, prosperidade e proteção... Há muito simbolismo nos ovos. A gema representa o Deus Sol, e sua clara é vista como a Deusa Branca, e o ovo inteiro é um símbolo do renascimento."

Essa afirmação acima é a mais clara que você obterá de um pagão. Eles estão dizendo claramente que vêem o ovo como um símbolo sexual da união entre o Princípio Masculino, o deus Sol, com o Princípio Feminino, a deusa Branca.

Os satanistas vêem o ovo como um amuleto de fertilidade, prosperidade e proteção, ao mesmo tempo em que vêem a gema do ovo como um símbolo do deus Sol e a clara como a deusa Branca. Essa visão é consistente com a adoração pagã da criatura no lugar do criador [Romanos 1:25]. Eles vêem todo o universo em termos de Dualidade da Natureza, os princípios Feminino e Masculino, ou simplesmente como sexo. Essa é a visão que têm do ovo.

Vejamos agora o que o reverendo Hislop tem a dizer sobre a prática pagã dos ovos, pois ela existe há séculos. Prepare-se para um choque, e então pergunte como a denominação batista pode apoiar essa forma de satanismo!
  • "A origem dos ovos de Páscoa é também bem clara. Os antigos druidas carregavam um ovo como emblema sagrado de sua ordem. Na Dionisíaca, ou Mistérios de Dionísio [Baco], celebrado em Atenas, uma parte da cerimônia noturna consistia na consagração de um ovo. As fábulas hindus celebram seu ovo mundano como de uma cor dourada. O povo japonês fabrica ovos sagrados de bronze ou de latão. Na China... ovos pintados são usados em festivais sagrados. Nos tempos antigos, os ovos eram usados nos ritos religiosos dos egípcios e gregos, e eram pendurados para propósitos místicos nos templos... Os poetas clássicos falam da fábula do ovo místico dos babilônios... 'dizem que um ovo muito grande caiu do céu no rio Eufrates. Os peixes o levaram até a margem, e as pombas sentaram sobre ele e o chocaram. Assim nasceu Vênus, que mais tarde foi chamada de Deusa Síria, que é Astarte. Assim, o ovo tornou-se um dos símbolos de Astarte (de onde vem a palavra inglesa Easter, Páscoa) [Alexander Hislop, The Two Babylons: Papal Worship Proved to be the Worship of Nimrod and his Wife", págs. 108-109].G
Agora que Hislop estabeleceu a grande adoração à deusa Astarte, por meio do ovo, ele então mostra a conexão com a Igreja Católica Romana. "Agora a Igreja Romana adotou esse ovo místico de Astarte, e o consagrou como um símbolo da ressurreição de Cristo. Uma forma de oração foi recomendada para ser usada em conexão com ela. O papa Paulo VI ensinou seus seguidores a orar assim na Páscoa: 'Abençoa, Senhor, nós te rogamos, estes ovos, para que se tornem um sustento para os teus servos, que comem lembrando de Jesus.' Durante as cerimônias com os ovos, os pagãos antigos os comiam no final.

Assim, a Igreja Católica adotou a prática mística inteiramente, apenas alterando os nomes dos deuses a quem estão orando! Essa tem sido a prática do Catolicismo Romano nos últimos 1500 anos, ou mais. Eles adotaram em sua prática religiosa muitas das doutrinas e dos rituais pagãos, acreditando que assim estariam tornando mais fáceis para os pagãos 'aceitar' o cristianismo. Os católicos também crêem erroneamente que podem pegar uma crença, ritual ou objeto pagão, satânico e 'cristianizá-lo', simplesmente proferindo alguma oração bem elaborada sobre ele! Essa crença não tem qualquer fundamento bíblico, pois em parte alguma é ensinada ou praticada. Na verdade, durante a história de Israel, sempre que um rei justo levantava-se para levar o povo a um reavivamento com Yaohu,  imediatamente começava a destruir todos os ídolos, altares, templos e sacerdotes pagãos. Vamos examinar alguns exemplos bíblicos:


"Então todo o povo da terra entrou na casa de Baal, e a derrubaram; como também os seus altares, e as suas imagens, totalmente quebraram, e a Matã, sacerdote de Baal, mataram diante dos altares; então o sacerdote pôs oficiais sobre a casa do SENHOR." [2 Reis 11:18].

Observe que eles despedaçaram, isto é, derribaram completamente, todos os altares e imagens pagãos. Em outros casos nas Escrituras, vemos que os reis justos queimavam os objetos pagãos com fogo.


"Também o rei [Josias] derrubou os altares que estavam sobre o terraço do cenáculo de Acaz, os quais os reis de Judá tinham feito, como também o rei derrubou os altares que fizera Manassés nos dois átrios da casa do SENHOR; e esmiuçados os tirou dali e lançou o pó deles no ribeiro Cedrom. O rei profanou também os altos que estavam defronte de Jerusalém, à mão direita do monte de Masite, os quais edificara Salomão, rei de Israel, a Astarote, a abominação dos sidônios, e para Quemós, a abominação dos moabitas, e a Milcom, a abominação dos filhos de Amom. Semelhantemente quebrou as estátuas, cortou os bosques e encheu o seu lugar de ossos de homens." [2 Reis 23:12-14].

Nós o encorajamos a ler os dois livros dos Reis e os dois livros de Crônicas inteiros, observando atentamente os muitos casos em que Israel se desviou para a adoração de deuses falsos. Yaohu levantou reis justos para trazer Israel de volta à adoração a ele. Observe que em todos os tempos de reavivamento, o rei justo destruía completamente todos os ídolos, imagens, altares, templos e matava os sacerdotes judeus da religião pagã. Em nenhum exemplo o rei orava sobre os objetos pagãos, tentando purificá-los para que pudessem ser usados na adoração ao único Criador verdadeiro. Veja, Yaohu está tão preocupado em como é adorado quanto com o fato que as pessoas o adorem. O princípio de como lidar com objetos e práticas pagãs é descrito no Novo Testamento. Leia com atenção:


"De sorte que, se alguém se purificar destas coisas, será vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra." [2 Timóteo 2:21].

Não vemos nenhuma orientação aqui para orar sobre o objeto imundo de modo a torná-lo útil para Yaohushua Não, você vê a orientação para a separação do contato com as influências impuras, contaminadoras e corruptas. Em seguida, você pode ser usado pelo Mestre para as boas obras. Nunca, em toda a Bíblia, você encontrará um exemplo em que um líder justo orou sobre objetos pagãos para torná-los aceitáveis a Yaohu.  Nem verá onde um líder justo permitiu que qualquer doutrina pagã fosse adotada no ensino religioso judaico, sob qualquer disfarce ou com seus nomes modificados. No entanto, a Igreja Católica Romana tem feito isso tudo nos últimos 1500 anos, ou mais, até o ponto em que os líderes evangélicos no início dos anos 1600, declararam que o paganismo com o qual a Igreja Católica tinha se saturado a tornava a candidata número 1 para ser a Igreja do Falso Profeta do livro do Apocalipse.

Então, hoje, vemos que o Plano da Nova Ordem Mundial nomeia o papa como o novo líder da igreja do vindouro Cristo da Nova Era [Anticristo]. (Veja nosso relatório no artigo N1052, não-traduzido). No artigo N1161, mostramos que o papa aceitou a marca paralela tradicional de Shiva [ou Xiva] em sua fronte, de uma sacerdotisa, em sua viagem à Índia. A escrita está na parede para todos os católicos verem: sua igreja é a igreja do Falso Profeta, e seu papa será o Falso Profeta. Como tudo isso aconteceu? Aconteceu porque o Catolicismo Romano adotou muitas práticas e crenças pagãs nos últimos 1500 anos.

Como a Convenção Batista do Sul dos EUA chegou ao ponto de anunciar os "Ovos da Ressurreição" em conexão com as celebrações de Páscoa?

Primeiro, desde o início do século, a Convenção Batista do Sul luta com a questão da Maçonaria. Quando os Batistas Americanos se dividiram dos Batistas do Sul, uma das questões de contenção era que os batistas sulistas permitiam a Maçonaria em suas fileiras e ocupando seus púlpitos. Já está provado que a tolerância ao paganismo da Maçonaria é desastrosa. Essa promoção dos "Ovos da Ressurreição" é apenas mais um exemplo da mistura de paganismo com cristianismo. Os pagãos não têm dificuldade com o conceito de "renascimento", pois o celebram em todas as primaveras; também não têm problemas em acreditar na reencarnação do espírito humano, outro tipo de ressurreição. No que eles têm imensa dificuldade em acreditar é que Cristo era 100% homem e 100% Yaohu ao mesmo tempo, e que morreu de verdade, esteve enterrado por três dias e que ressuscitou.

Segundo, os batistas sulistas desviaram-se de muitos princípios bíblicos, incluindo o princípio da separação das pessoas e das práticas más. Podemos facilmente compreender quão importante é para uma pessoa que está doente com uma doença contagiosa ficar em quarentena para evitar a contaminação das pessoas saudáveis, mas aparentemente, não compreendemos que esse princípio aplica-se igualmente às questões espirituais. Veja o que as Escitura Sagradas tem a dizer sobre esse assunto:


"Se alguém vem ter convosco e não traz esta doutrina, não o recebais em casa, nem tampouco o saudeis. Porque quem o saúda tem parte nas suas obras más." [2 João 10-11].

Aqui, somos orientados a não nos associarmos com qualquer pessoa que não se mantém fiel à doutrina de Cristo, a não recebê-la em nossas casas, e nem mesmo saudá-la. Oferecer um simples cumprimento a um apóstata torna-nos participantes de suas obras más. Exortamos a todos que estão atualmente envolvidos em atividades ecumênicas, incluindo os Promise Keepers: vocês estão envolvidos com organizações que não mantêm puras as doutrinas do evangelho de Yaohushua e precisam deixá-las! Agora!

Terceiro, a Convenção Batista do Sul chegou a esse ponto de promover a mistura do paganismo com o cristianismo porque vivemos no fim dos tempos, quando a profecia bíblica diz que a igreja cristã apostatará. A definição de apostasia é "afastamento deliberado das doutrinas e crenças que antes eram mantidas e defendidas com firmeza". Veja o que diz a Escritura:


"Ora, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Salvador, e pela nossa reunião com ele, que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto. Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição, o qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Yaohu,  ou se adora; de sorte que se assentará, como Yaohu, no templo de Yaohu, querendo parecer o Pai Celestial." [2 Tessalonicenses 2:1-4].

Em seguida, no verso 6, Paulo conclui o assunto "E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado."

Recomendamos que você estude atentamente essa Escritura. Nessa profecia, Paulo revela vários elementos importantes que vemos nas notícias do dia-a-dia. Vamos revistar esses princípios:
  1. O Anticristo sempre esteve pronto para se manifestar, até mesmo ao tempo do apóstolo Paulo.
  2. O Espírito Santo, trabalhando por meio da igreja cristã, sempre atuou restringindo esse desejo do Anticristo de se manifestar.
  3. Enquanto a igreja cristã permanecer fiel aos ensinos da Bíblia, o Anticristo não poderá aparecer.
  4. Um dos sinais do fim dos tempos é que a igreja cristã entrará em um processo de apostasia, e passará a repudiar as doutrinas que sempre defendeu.
  5. Depois disso, o Anticristo poderá se manifestar. Assim que o poder efetivo da igreja cristã estiver enfraquecido, então devemos ver uma ascensão correspondente nos preparativos ocultistas para o aparecimento do Anticristo! A profunda e prolongada apostasia da igreja cristã começou no início do século XX, mas foi realmente colocada em marcha com a fundação do Conselho Mundial de Igrejas. Consistentemente, em todas as décadas em que essa apostasia estava ocorrendo, os escritos ocultistas refletiam tremenda energia direcionada para mudar o mundo para uma situação em que o Anticristo possa entrar em cena! O plano que está sendo defendido cumpre as profecias bíblicas de forma bem precisa. Além disso, desde 1975 vemos escritos que estão entusiasticamente apontando para o breve aparecimento do Cristo da Nova Era, o Anticristo bíblico.
  6. Finalmente, quando ocorrer o arrebatamento da igreja, o Anticristo poderá aparecer.
  7. Ele terá uma grande dívida de gratidão com todas as igrejas que se afastaram da fé. Portanto, qualquer líder que faça parte do Movimento Ecumênico está preparando o caminho para o Anticristo! Qualquer membro de igreja que prestigie reuniões, passeatas, ou concentrações ecumênicas também está preparando o cenário para o Anticristo aparecer.
Finalmente, a Convenção Batista do Sul dos EUA aderiu oficialmente ao grupo de igrejas cristãs apóstatas. 

Essa é a verdadeira razão por que sua Junta de Escola Dominical pôde tão facilmente misturar satanismo e cristianismo nessa promoção dos "Ovos da Ressurreição".

Esse acontecimento chocante aponta claramente para o fim dos tempos. Ele mostra a gravidade da apostasia da igreja cristã, um dos sinais mais claros do fim dos tempos.

0 comentários :

sexta-feira, março 29, 2013

Sinagogas de Satanás

Os lugares apelidados de ‘igrejas’ são fundados e criados por homens, e não jamais serão obra de Yaohu, são sinagogas de satanás, por que vivem de doutrinas humanas, sofisma, crendices, imposições de lideres religiosos [pastores, bispos, missionários, padres, apóstolos] que inventam coisas que enganam as pessoas, com uma santidade fingida, que não está na Palavra do Criador .


A Igreja de Cristo foi edificada pelo Filho do Altíssimo há quase 2000 anos, entretanto, os lugares apelidados de ‘igrejas’ (igreja instituição) onde pessoas se enganam e que foram criadas e fundadas por homens não possuem a idoneidade que a Palavra de Yaohu requer, afinal, são obras humanas:
  • Luterana - Martinho Lutero - 1517 – Alemanha
  • Episcopal - Henrique VIll - 1534 – Inglaterra
  • Presbiteriana - John Knox - 1560 – Escócia
  • Congregacional - Robert Browne - 1580 – Inglaterra
  • Batista - John Smyth - 1609 – Holanda
  • Rosa-Cruz - Johannes V. Andreae - 1610 – Alemanha
  • Metodista - John Wesley - 1739 – Inglaterra
  • Mórmon - Joseph Smith - 1831 - Estados Unidos
  • Adventista - Ellen White - 1831 - Estados Unidos
  • Espiritismo - Irmãs Fox - 1847 - Estados Unidos
  • Exército da Salvação - William Booth - 1865 - Estados Unidos
  • Testemunha de Jeová - Charles T. Russel - 1874 - Estados Unidos
  • Teosofia - Helena Blavatsky - 1875 - Estados Unidos
  • Assembléia de Deus - Vários Pastores - 1901 - Estados Unidos
  • Congregação Cristão do Brasil - Luiz Francesco - 1909 – Brasil
  • Messiânica - Meishu-Sama - 1926 – Japão
  • Igreja Evangelho Quadrangular - Aimée S MacPherson - 1927 - USA
  • Igreja Brasileira - Carlos D. Costa - 1945 - Brasil
  • Cruzada Brasil para Cristo - Manoel de Mello - 1955 - Brasil
  • Nova Vida - Robert Mc’alister - 1961 – Brasil
  • Deus é Amor - David Miranda - 1962 – Brasil
  • Universal do Reino de Deus - Edir Macedo Bezerra - 1975 – Brasil
  • Internacional da Graça – RR Soares - 1980 - Brasil
  • Mundial – Valdemiro Santiago - 1998 - Brasil

As igrejas que são mencionadas NOS EVANGELHOS, referem-se as localidades, qual seja, Éfeso, Gálatas, Apocalipse, enfim, nas localidades (cidades, bairros) encontramos diversos locais de reuniões de pessoas; estes locais são casas, garagens, galpões, praças, ruas... e jamais podem ter o nome de “igreja tal”, por que assim inferem contra a Palavra do Pai, e norteiam o amor de Cristo por Seus seguidores que se sujeitam ao evangelho por amor pelas almas;

Existe somente uma Igreja, a de Yaohu na pessoa de Seu Filho Amado que A edificou [“Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela;”, Mateus 16.18], a verdadeira, orgânica, viva e real Igreja de Cristo é a “universal assembléia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus” [Hebreus 12].

0 comentários :

quarta-feira, março 27, 2013

A Verdadeira e a Falsa Religião - Parte 3



0 comentários :

A Verdadeira e a Falsa Religião - Parte 2




0 comentários :

A Verdadeira e a Falsa Religião - Parte 1



0 comentários :

sábado, março 23, 2013

Heresias incorporadas ao Cristianismo


SÉCULO
ANO
DOGMA OU CERIMÔNIA
ORIGEM
I – II
196-265
Sacerdote chamado Bispo Único
Egito, Judaica, Greco-Romana
Tradução Grega da Bíblia por Alexandre o Grande nome do Deus de Israel substituído por SENHOR
Grécia
Criação da Igreja C. Romana.
Igreja C. Romana
Batismo Infantil
Água benta. Criada por Santo Alexandre
IV
270-321
Vigília de Oração Ecumênica
Igreja C. Romana
Imperador Romano Constantino se declara o 13°Apostolo de Deus
O domingo como dia de descanso. (Mitra)
Egito, Persa,
Greco-Romana
Celebração de Natal / 25 de Dezembro (copiado dos Deuses Mitra: face da nota do Cruzeiro e Semíramis: face da nota do Real)
Babilônia, Persa,
Greco-Romana
IV
327
Templos passam a se chamar Igreja.
Igreja C. Romana
Objetos sagrados, simbologia e crucifixo.
Igreja C. Romana
Coro: música profissional usada nos cerimoniais
Cultura Greco-Romana
IV
330
Vestes Clericais
Babilônicos, Persas, Greco-Romana
Liderança Hierárquica, Bispo, Padre (Pai)...
IV
370
Culto dos santos
Cultura Greco-romana
Altares pagãos
Duas Velas Colocadas Sobre a “Mesa da Comunhão” e Queima de Incenso
IV
400
Oração pelos mortos
Igreja C. Romana
Sinal da cruz feito no ar
Tradução Latina da Bíblia por Jerônimo de Strídon
V
431
Maria é proclamada mãe Celestial de Deus
Igreja C. Romana
VI
593
Purgatório
Igreja C. Romana
VI
600
Latim - língua oficial das celebrações litúrgicas
Igreja C. Romana
VII
608
Começo do papado
Igreja C. Romana
VIII
609
O culto a virgem Maria e a invocação de mortos são estabelecidos por lei na igreja.
Igreja C. Romana
VIII
758
A confissão auricular por religiosos do Oriente
Igreja C. Romana
VIII
787
Inicio do culto das imagens e das relíquias
Igreja C. Romana
IX
819
A festa da Assunção da Maria
Igreja C. Romana
IX
880
Canonização dos santos
Igreja C. Romana
X
998
Estabelecido o Dia de Finados
Igreja C. Romana
X
998
Inicio da Observação da quaresma
Igreja C. Romana
X
1000
Estabelecido o cânon da missa.
Igreja C. Romana
XI
1074
Proíbe-se o casamento dos sacerdotes
Igreja C. Romana
XI
1075
Os sacerdotes casados devem divorciar-se
Igreja C. Romana
XI
1095
Indulgências plenárias
Igreja C. Romana
XI
1100
Pagamento da missa e o culto aos anjos.
Igreja C. Romana
XII
1115
A confissão é transformada em artigo de fé.
Igreja C. Romana
XII
1125
Imaculada Conceição de Maria.
Igreja C. Romana
XII
1160
Estabelecidos os 7 sacramentos.
Igreja C. Romana
XII
1186
O Concilio de Verona estabelece a Inquisição.
Igreja C. Romana
XII
1190
Venda de indulgências para salvação
Igreja C. Romana
XII
1200
Rosário, por São Domingos, chefe da Inquisição.
Igreja C. Romana
XIII
1220
Hóstia.
Igreja C. Romana
XIII
1226
Introduz-se a elevação da hóstia.
Igreja C. Romana
XIII
1229
Proíbe-se aos leigos a leitura da Bíblia.
Igreja C. Romana
XIII
1264
Festa do Sagrado Coração.
Igreja C. Romana
XIV
1303
A Igreja Católica Apostólica Romana é proclamada como sendo a única verdadeira, e somente nela o homem pode encontrar a salvação.
Igreja C. Romana
XIV
1311
Procissão do Sacramento e a oração da Ave Maria.
Igreja C. Romana
XV
1414
Definição da comunhão só com um elemento, a hóstia. O uso do cálice fica restrito ao sacerdote.
Igreja C. Romana
XV
1415
Somente os sacerdotes podem celebrar missas.
Igreja C. Romana
XV
1484
Tomar a Ceia do Senhor Trimestralmente.
Igreja C. Romana
XV
1509
Levanta-se e Canta Quando o Clero Entra.
Igreja C. Romana
XVI
1543
Seminário Filosófico e Teológico.
Igreja C. Romana
XVI
1546
Tradição da Igreja, autoridade igual à Bíblia.
Igreja C. Romana
XVI
1523
A Centralidade do Púlpito no Culto - Lutero.
Protestantismo
XVI
1530
Deus fala através do Pastor, portanto, devemos todos escutar o pastor, não como homem, mas como Deus- Martin Lutero.
Protestantismo
XVI
1590
Um versículo bíblico por si só correto e pode ser utilizado para comprovar uma doutrina ou uma prática independente do contexto.
Escolástica Protestante
XIV
1662
O Prato de Coleta.
Igreja Protestante
XVI
1562
Missa é oferta propiciatória.
Igreja C. Romana
XVI
1573
Canonicidade dos livros apócrifos.
Igreja C. Romana
XVIII
1708
O Título de “Pastor” ou Reverendo.
Igreja Protestante
XVIII
1709
Cristãos Vestindo Suas Roupas Dominicais.
Igreja Protestante
XVIII
1799
Dízimo: Justificado pelo Velho Testamento.
Igreja Protestante
XIX
1854
Dogma da imaculada Conceição de Maria.
Igreja C. Romana
XIX
1870
Declaração da infalibilidade Papal-Papa não falha.
Igreja C. Romana
XIX
1887
Boletim da Igreja (liturgia escrita).
Igreja C. Romana
XX
1900
Música e Coral Tocados Durante a Oferta.
Igreja Protestante
XX
1930
Curvar a Cabeça com os Olhos Fechados e Elevar a Mão em Resposta à Mensagem de Salvação.
Igreja Protestante
XX
1950
Incorporação - técnicas psicológicas e motivação.
Igreja Protestante
Marketing - O Poder do Pensamento Positivo.
A Teologia da Fé/Prosperidade Financeira.
XX
1965
Grupo de Louvor – concerto de rock secular.
Igreja Protestante
XX
1980
Liturgia Judaica, bandeira Israel, Arca, relíquias.
Igreja Protestante

0 comentários :

Blogger Template by Clairvo